sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Sandy

Coitados, pois, coitados dos norte-americanos que viram a sua vida e propriedade destruída pela violência do furacão Sandy.

É que não se compreende, como é que um furacão que passou por Cuba, Jamaica, Haiti e República Dominicana, deixou estes países (sem infraestruturas) intactos, e só destruiu os Estados Unidos... É preciso má-vontade, não é?

Ou será apenas uma questão de má informação? Ninguém quer saber realmente o que aconteceu aos países mais pobres, pois não?

Sandy em Cuba

Sandy na Jamaica

Sandy no Haiti

Sandy na República Dominicana
   


Sem comentários:

Enviar um comentário

Nenhum homem é uma ilha.

No momento em que passam quatro anos sobre aqueles dias loucos e felizes da minha transferência para Évora, apercebo-me do impacto que a...