quinta-feira, 26 de maio de 2011

Afinal não era petróleo

Ficámos hoje a saber que o regime líbio investiu em dívida de bancos portugueses, nomeadamente o BES e o BCP, através da Autoridade Líbia de Investimento.

O tipo de operações financeiras realizadas é de tal complexidade que apenas quem faz a operação sabe da sua existência e, a certo ponto, nem sequer a fonte do investimento conhece exactamente o que foi feito do seu capital. "Podem andar atrás do dinheiro até à eternidade"...

Porém, «Se o dono do dinheiro desaparecer, o dinheiro fica sem dono, por assim dizer, porque na origem esteve um investimento que politicamente foi feito em segredo». É o chamado desfalque perfeito.

E só assim se percebe porque é que depois de várias décadas no poder, numa atitude de clara provocação ao Ocidente, só agora, em plena crise económica dos países onde Kadhafi terá investido, esse mesmo Ocidente se lembrou de libertar os líbios da tirania...

1 comentário:

  1. I - SEJA KADDAFI O BIZARRO QUE FOR, A ONU CONSTATOU EM 2007 QUE A LÍBIA
    TINHA:

    1 - Maior Indice de Desenvolvimento Humano (IDH) da África (até hoje é maior
    que o do Brasil);

    2 - Ensino gratuito até à Universidade;

    3 - 10% dos alunos universitários estudavam na Europa, EUA, tudo pago;

    4 - Ao casar, o casal recebia até 50.000 US$ para montar casa;

    5 - Sistema médico gratuito, rivalizando com os europeus. Equipamentos de
    última geração, etc...

    6 - Empréstimos pelo banco estatal sem juros;

    7 - Inaugurado em 2007, o maior sistema de irrigação do mundo, vem tornando
    o deserto (95% da Líbia) em fazendas produtoras de alimentos.;


    II - PORQUE "DETONAR" A LÍBIA ENTÃO?....

    Três principais motivos:

    1 - Tomar o seu petróleo de boa qualidade e com volume superior a 45 bilhões
    de barris em reservas;

    2 - Fazer com que todo o mar Mediterrâneo fique sob o controlo da OTAN. Só
    falta agora a Síria;

    3 - E provavelmente o principal:

    - O Banco Central Líbio não é atrelado ao sistema financeiro mundial.

    - As suas reservas são toneladas de ouro, que dão respaldo ao valor da
    moeda, o dinar, que desta forma está resguardado das flutuações do dólar.

    - O sistema financeiro internacional ficou possesso com Kaddafi, após ele
    propor, e quase conseguir, que os países africanos formassem uma moeda única
    desligada do dólar.



    III - O QUE É O ATAQUE HUMANITÁRIO PARA LIVRAR O POVO LÍBIO:

    1 - A OTAN comandada, como se sabe, pelos EUA, já bombardearam as principais
    cidades Líbias com milhares de bombas e mísseis em que um único projéctil é
    capaz de destruir um quarteirão inteiro. Os prédios e infra estruturas de
    água, esgotos, gás e luz estão sèriamente danificados;

    2 - As bombas usadas conteem DU (Uranio depletado) que tem um tempo de vida
    de cerca de 3 bilhões de anos (causa cancro e deformações genéticas);

    3 - Metade das crianças líbias estão traumatizadas psicologicamente por
    causa das explosões que parecem um terramoto e racham as estruturas das
    casas;

    4 - Com o bloqueio marítimo e aéreo da OTAN, as crianças sofrem
    principalmente com a falta de medicamentos e alimentos;

    5 - A água já não mais é potável em boa parte do país. De novo as crianças
    são as mais atingidas;

    6 - Cerca de 150.000 pessoas por dia, estão deixando o país através das
    fronteiras com a Tunísia e o Egito. Vão para o deserto ao relento, sem água
    nem comida;

    7 - Se o bombardeio terminasse hoje, cerca de 4 milhões de pessoas estariam
    precisando de ajuda humanitária para sobreviver: Água e comida.

    De uma população de 6,5 milhões de pessoas.

    Em suma: O bombardeio "humanitário", acabou com a nação líbia. Nunca mais
    haverá a "nação" Líbia tal como nos dias de hoje.

    ResponderEliminar

Estrela da manhã

Numa qualquer manhã, um qualquer ser, vindo de qualquer pai, acorda e vai. Vai. Como se cumprisse um dever. Nas incógnitas mãos tran...