quinta-feira, 1 de março de 2012

...


Não tem jeito para falar sobre o que sente. Mesmo quando o que tem lá dentro é suficiente para encher páginas e páginas e textos e textos sobre medo e solidão, sobre cansaço e ressentimento, sobre esperança e desilusão, e sobre esta escuridão que não tem fim e que um dia vai acabar por esgotá-la.

1 comentário:

  1. Treino, Zélia, muito treino. É só começar, mesmo que, no início, não saia nada de jeito. Quanto mais se treinar, mais se consegue deitar cá para fora. E isso faz bem ;)

    ResponderEliminar