Os moinhos de vento do Acordo Ortográfico

Nem sempre acontece, mas às vezes vale a pena lutar contra "moinhos de vento". O Secretário de Estado da Cultura admitiu ontem a possibilidade de "aperfeiçoar" o Acordo Ortográfico até 2015.

Francisco José Viegas que assumiu o seu desconforto com algumas regras inscritas no AO, relembrou que "a ortografia é uma coisa artificial, provavelmente, e portanto, se é artificial, nós podemos mudá-la. Mas temos uma vantagem. É que até 2015, podemos corrigi-la. Temos essa possibilidade e eu acho que vamos usá-la”.Sublinhou ainda que “não há uma polícia da língua, há um acordo que não implica sanções graves para cada um de nós (...) não há coimas, não há multas para quem não suprime algumas das consoantes mudas ”.

Pela minha parte, obrigada. Já é um bom sinal.
                 

Comentários

  1. Achei seu blog nas minhas andanças pela net...e adorei... muito legal suas histórias... estou seguindoo... me segue tbm? bjaoo...

    ResponderEliminar

Enviar um comentário