Dezembro

" o mês da da insanidade temporária, do desequilíbrio entre as palavras e os actos e da febre mercantilista."


Nuno Marçal, via Facebook

Comentários

Enviar um comentário