sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Dezembro

" o mês da da insanidade temporária, do desequilíbrio entre as palavras e os actos e da febre mercantilista."


Nuno Marçal, via Facebook

1 comentário:

Nenhum homem é uma ilha.

No momento em que passam quatro anos sobre aqueles dias loucos e felizes da minha transferência para Évora, apercebo-me do impacto que a...