domingo, 23 de outubro de 2011

Já vai tarde

Para um governo que fez tanto alarido por viajar em classe económica, gabando-se dos pequenos exemplos com os quais ia endireitar Portugal, fica agora muito mal este ar de dama ofendida porque chegou ao conhecimento público o subsídio de alojamento que o ministro Miguel Macedo recebia. Viver em Lisboa e declarar como residência a cidade de Braga para beneficiar de um apoio financeiro extra até pode ser legal, mas continua a ser uma vergonha. Renunciar era o mínimo que podia fazer.


3 comentários:

  1. Faltam os outros e falta abolir o diploma de 1980 que o autoriza.

    ResponderEliminar
  2. Exactamente. E se foi a blogosfera que de facto trouxe este assunto à tona de água e o manteve até obter este resultado, cabe-nos manter a pressão, para que isso aconteça.

    ResponderEliminar
  3. Se fosse só esse a receber subsidios e outros abonos indevidamente.....estava o país bem.
    Tem de se vir de alto abaixo, e atenção ás pedradas....

    ResponderEliminar

Estrela da manhã

Numa qualquer manhã, um qualquer ser, vindo de qualquer pai, acorda e vai. Vai. Como se cumprisse um dever. Nas incógnitas mãos tran...