sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Penso o mesmo dele

Em casa é que o senhor está bem, nunca de lá devia ter saído. Felizmente não fica a criar filhos, sempre se evita a proliferação de mentes tão brilhantes.

3 comentários:

  1. E parece que é o Chefe que lhe vai enfiar o barrete!!
    É bem feito!!

    ResponderEliminar
  2. Zélia, Zélia, gosto muito de a ler!

    Mas diga-me, será que no fundo, bem lá no fundo, a Célia não dá um pouquinho de razão a este Senhor?

    Não acha que tudo o que descreveu na apresentação "Açucar Amarelo" que li com muito agrado e também com muita nostaliga, tudo isso foi possível porque as mulheres se dedicavam mais aos filhos e consequentemente ao lar?

    Deixe que as tradições retornem e com elas os valores e a família e só assim, quissá, conseguiremos uma sociedade melhor e mais fraterna.

    Com muita admiração,

    Eva Isabel Fernandes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Chamo-me Zélia e não Célia.
      Felizmente, discordo de si, caso contrário, os meus filhos já teriam morrido de fome. Não me parece que isso contribuísse para que eu tivesse uma visão muito fraterna da sociedade.

      Eliminar

Nenhum homem é uma ilha.

No momento em que passam quatro anos sobre aqueles dias loucos e felizes da minha transferência para Évora, apercebo-me do impacto que a...