quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

...

Declarou a quem a quis ler «tomei todos os meus remédios, em breve estarei morta, adeus a todos», mas ninguém lhe prestou atenção. Morreu, já no hospital, vítima de overdose de medicamentos e da indiferença dos seus 1048 amigos. «Bastava que uma pessoa tivesse saído da frente do computador para lhe ter salvo a vida».

Sem comentários:

Enviar um comentário

Como se (des)faz um leitor

Diálogo abreviado mas absolutamente real: - Olá, bom ano! Já há algum tempo que não a via, não tenho ido à Biblioteca. - Olá, bom an...