Desânimo

Há três dias que não escrevo nada, e no último dia, escolhi um poema. Não é falta de vontade, é só porque o país está um atoleiro imenso e não me apetece nada chafurdar na lama.

Comentários

  1. Também a minha inspiração anda pela rua das amarguras.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário