sexta-feira, 15 de abril de 2011

15 horas, 47 minutos e 52 segundos

E ainda diz que não tem tempo de estar na internet... 200 visitas?

      

5 comentários:

  1. Isto sim.... isto é um admirador a sério!!!

    ResponderEliminar
  2. vai-se fazendo tempo...abre-se a página e fica esquecida

    enquanto se faz outras minúcias

    ResponderEliminar
  3. Será que este post é legal?
    Será que não está em causa a privacidade e os dados pessoais das pessoas?
    Se a pessoa em causa, ofendeu ou teve alguma prática incorrecta. Se a sua conduta foi caluniosa/criminal, existem os meios legais disponiveis para a responsabilidade criminal de quem esses actos pratica.
    Não aceitava que um IP meu, estivesse exposto desta maneira.

    ResponderEliminar
  4. Caro Anónimo

    Registo a sua preocupação e agradeço, mas não creio que o anónimo que me enchia a caixa de correio queira apresentar queixa, porque para isso teria de se identificar e acredite-me, ele teria mais a perder do que eu.

    Se as pessoas não se querem expôr só têm de tratar os outros com respeito, mais nada. Actualmente tenho uma média de visitas no Açúcar Amarelo de 200 a 300 pessoas,que perfazem entre 400 e 600 acessos diários. Não posso - não faria mais nada - verificar quem são os que me visitam. Mas faço questão de o fazer quanto os que me visitam o fazem de forma pouco digna.

    Não creio qeu alguma vez tenha faltado ao respeito a alguém aqui no blogue, não aceito que o façam comigo. Este tipo de pressão psicológica de estar sempre a enviar comentários, além de ridícula, comigo não resulta. Tenho pena que aconteça, porque se as pessoas soubessem argumentar em vez de achincalhar e ofender, eu poderia ter os comentários abertos, sem controlo prévio. Assim, sou obrigada a moderá-los, e em casos mais extremos, a chegar a este ponto.

    Agora, como o próprio anónimo em questão me disse num dos comentários que não publiquei, o blogue é meu. É pessoal, não é institucional nem representa nenhum movimento ou entidade. Como tal, quem estabelece as regras sou eu.

    Imagine que me apetecia bloquear todos os comentários que fossem enviados entre as 15 e as 20 horas, podia fazê-lo. Não há justificação lógica, nem teria de haver, mas continuaria a ter o direito de o fazer.

    Não pretendo chegar a esse ponto. Desde o princípio que as regras são claras:

    1. Comentários ofensivos ou que envolvam o bom nome de alguém ou de alguma instituição não serão publicados.

    2. Comentários que pela sua insistência e tipo de linguagem indiciem comportamentos obsessivos ou que interfiram com a privacidade de alguém, incluindo a minha, não serão publicados.

    3. Comentários cuja resposta colida, ainda que levemente, com as minhas funções profissionais e com o dever de lealdade e ética que tenho para com a minha entidade empregadora, não serão respondidos.

    A insistência nesse tipo de comentários só pode conduzir à situação que aqui se verifica: as pessos são avisadas uma, outra e outra vez. A partir daí, sujeitam-se à exposição pública...

    Não me interprete mal. Gosto do debate. Veja ali a minha lista de blogues favoritos. São diversificados, quer em termos políticos, quer futebolísticos, quer geográficos, etc... Detesto blogues (que deixei de frequentar) onde o blogger tem sempre razão e quem discorda dele é estúpido. Foi por essa razão que cancelei uma pequena brincadeira que tinha aqui ao início. Como Sportinguista convicta, proíbi a palavra Benfica, pedindo a sua substituição por outra designação imaginativa. Depois percebi que estava a ter uma dessas atitudes realmente estúpidas e como tal a proibição foi cancelada, apesar de ser uma brincadeira a que os leitores corresponderam com muita piada.

    Tal como dizia, gosto do debate. Às vezes este blogue transforma-se um bocadinho no culto da personalidade. Embora eu saiba que tenho uma personalidade muito forte, os elogios em demasia causam-me desconforto e muuuita desconfiança. Prefiro argumentos. Esses serão sempre bem-vindos, agora ofensas, nem pensar.

    ResponderEliminar
  5. ao anónimo de 17 de Abril de 2011 22:48
    ... a coberto da dita privacidade e da protecção dos dados pessoais, muito boa gente têm levado este país para a ruína ...
    ... a privacidade diz respeito ao domínio privado, ao domínio próprio e que não interfere com terceiros ... quando deixamos o NOSSO espaço privado e entramos no domínio privado de terceiros ou no domínio público, deixámos de estar no nosso espaço privado e a nossa privacidade terminou ... se por exemplo eu lhe entrar em casa e o difamar e lhe der umas orelhadas, à luz do que escreveu, V.Exa só poderá accionar os mecanismos judicias e não poderá comentar com mais ninguém, que eu lhe entrei em casa e ainda pro cima lhe dei umas orelhadas ... esse seu pensamento vai na linha dos seguidores e acólitos de Sócrates, que há mínima suspeita de que foram apanhados a roubar o Estado, ameaçam logo os órgãos de informação social com pedidos de indemnização brutais por difamação que nem o prémio do euromilhões lá chega ... e isto é uma forma de bloquear o sistema. Ou seja, técnicas sofisticadas e ultralimpas de roubar sem ser preso nem incomodado ... mais grave, com a complacência de quem governa e de quem decide.

    ... volta António das Botas, estás perdoado e limpa esta corja de parasitas que lentamente está a matar este país ...

    LT

    ResponderEliminar