Padroeiro S. Jerónimo

Não, este post não é sobre política. É que fiquei a saber hoje que S. Jerónimo é o padroeiro dos bibliotecários... As coisas que se aprendem na blogosfera!

Tenho andado eu aqui a puxar pelo S. Jorge, patrono do Dia Mundial do Livro e da tradição catalã de oferecer um livro em troca de uma rosa, e agora sai-me o Jerónimo ao caminho. Ao que parece, São Jerónimo (séc. IV), foi doutor da igreja, padroeiro dos biblitecários e tradutores (traduziu a bíblia do grego e hebraico para latim) e patrono das secretárias. Pela sua importância mereceu a atenção de muitos pintores, que o retratavam quase como uma prova de maturidade. Apesar das diferenças de abordagem, na maioria dos retratos aparecem caveiras (sinal da mortalidade), a visão de Deus (que lhe puxou as orelhas porque prestava mais atenção à literatura romana que à bíblia), ou o leão, a quem tratou a pata, recolheu no convento e protegeu de calúnias.

Bibliotecário e ainda por cima, protector dos Sportinguistas... É o meu ídolo.


              

Comentários

Enviar um comentário