Querem ver que sou estrangeira?

Itinerário da "Volta a Portugal em Bicicleta"



(retirado daqui)

Comentários

  1. Não ligue... é de uma zona do país lindíssima!

    ResponderEliminar
  2. Já agora pessam à autarquia para apostar nestas coisas do ciclismo...assim talvez a modalidade chegue à região.

    ResponderEliminar
  3. Ou muito me engano ou há dois ou três anos houve uma importante prova de ciclismo que passou por Moura... E teve o apoio da autarquia...
    Ah, pois é! Quam não sabe devia estar calado!

    ResponderEliminar
  4. A autarquia não é um saco sem fundo.
    - Querem as contas controladas
    - Criticam que o dinheiro é só gasto em festas e festarolas
    - E depois acham que a autarquia tem que pagar tudo
    As autarquias também pagam à organização da volta para irem só para o norte? Mas isso é corrupção...

    ResponderEliminar
  5. Fulano Tal10/08/10, 12:27

    As partidas e as chegadas da volta são negociadas com a organização a câmara que quiser ter uma chegada ou uma partida terá que a pagar, é assim que funciona. Por isso é que nesta volta como nas anteriores a volta não parte da mesma localidade onde chega no dia anterior como acontecia nos anos 80,fazem grande parte do percurso em ligações de automovél. apresão dos patrocinadores também conta e se não me engano apenas uma equipa é do Sul, A Palmeiras Resort-Tavira o resto é tudo do tejo apara cima. em relação ao vencedor vai ser o que terminar em segundo porque o primeiro deve acusar dopping... é para manter a tradiçao.LOl

    ResponderEliminar
  6. Caro anónimo das 15h53

    Vamos a esclarecimentos:

    1. Este blogue é pessoal e como tal, segue as minhas regras.

    2. Neste blogue não são publicados comentários ofensivos ou que queiram impor a razão "porque sim". Todas as discussões e opiniões são bem-vindas, e a comprová-lo está o facto de ter publicado o seu primeiro comentário, independentemente da minha opinião sobre a sua afirmação (não estou a dizer que concordo nem que discordo). Se quiser reformular e continuar a discussão, terei todo o prazer em publicar.

    3. Lavagens de roupa suja, ataques pessoais, (in)directas desagradáveis devem ser dirigidos a outro tipo de blogues.

    4. Não tenho a ambição de ser isenta e equidistante de convicções políticas, crenças religiosas ou preferências clubísticas. Durante toda a minha vida, sempre tomei posição perante as diversas situações e sempre as assumi e defendi. Acho que todas elas já estão suficientemente claras aqui no blogue. Espero continuar a contar com a sua visita, mas se não se sentir aqui bem, lembre-se, que não é obrigado a fazê-lo. Há muito peixe por essa rede fora.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário