sexta-feira, 23 de julho de 2010

701 escolas do primeiro ciclo encerradas no novo ano lectivo

"Com esta reorganização, as escolas do primeiro ciclo com menos de 20 alunos, na sua esmagadora maioria escolas de sala única, onde o professor ensina ao mesmo tempo, e na mesma sala, alunos do 1.º ao 4.º ano, passam a ser uma excepção, prosseguindo o objectivo de garantir, a todos os alunos, igualdade de oportunidades no acesso a espaços educativos de qualidade", diz o gabinete da ministra Isabel Alçada.


Igualdade de oportunidades? Estão a brincar com quem? Uma criança de 6 anos que se levanta às 6 da manhã para ir para a escola e chega a casa para rever os pais às 8 da noite tem as mesmas oportunidades que os que vivem perto da escola? Igualdade de oportunidades era dar a todas as crianças a possibilidade de ir a pé para uma escola onde professores empenhados e comprometidos com a comunidade lhes transmitem conhecimentos e valores.

Para o País, este processo tem consequências que vão ser muito difíceis de corrigir e ultrapassar. As localidades do interior, onde existe qualidade de vida, tempo e espaço para podermos educar os nossos filhos, morrerão aos poucos... Com um bocadinho de jeito, se calhar até cabemos todos em Lisboa!

Mas afinal, quando é que fazemos alguma coisa? Quando é que damos um murro na mesa?

Irra, que é demais!

Sem comentários:

Enviar um comentário